6 de dezembro, 2022

Apoio europeu aos desertores russos

publicado 26 de setembro 2022 | Opinião

Apoiar os soldados russos da mesma forma que se apoiam os refugiados ucranianos

por Rui Mota

Se queremos acabar com esta (ou outra guerra) o mais rapidamente possível, não podemos estar à espera de quem está interessado nela.

Uma das formas (não a única) será apelar à Comissão Europeia, que apoie os soldados russos (da mesma forma que apoia os refugiados ucranianos) que recusam a guerra e fogem para a União Europeia. Já que estamos em tempo de “sanções”, aplique-se mais esta (não quer a UE enfraquecer o regime de Putin?).  

A comparação com a guerra colonial portuguesa faz todo o sentido. Também aí, a guerra era injusta (ainda que, no limite, as guerras sejam todas injustas, desde logo para quem é utilizado, sem ser consultado). 

Rui Mota

Rui Mota

Editor

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.